Logo Estácio


CPA - Avaliação Institucional

A Comissão Própria de Avaliação - CPA é uma comissão de representação acadêmica que tem como objetivo coordenar e articular o processo de autoavaliação do Centro Universitário Estácio do Ceará - ESTÁCIO FIC. Os membros da CPA são selecionados dentre os integrantes da comunidade acadêmica do Centro Universitário e da sociedade civil organizada em reuniões da Comissão existente e, designados através de Portaria específica da Reitoria do Centro Universitário, tendo a seguinte composição: 01 Coordenador; 04 Representantes do Corpo Docente; 04 Representantes do Corpo Discente; 04 Representantes do Corpo Técnico-Administrativo e 04 Representantes da Sociedade Civil Organizada.


São atribuições da CPA: I - Elaborar e implementar o Processo de Avaliação Interna da IES, considerando as metas definidas no PDI e PPI; II - Sistematizar e disponibilizar as informações por ele geradas, bem como prestar as informações solicitadas pelo INEP, com base no art. 11 da Lei 10861/2004; III - Constituir subcomissões de avaliação; IV - Elaborar e analisar relatórios e pareceres e encaminhar às instâncias competentes; V - Desenvolver estudos e análises visando ao fornecimento de subsídios para fixação, aperfeiçoamento e modificação da política de avaliação institucional; VI - Propor projetos, programas e ações que proporcionem a melhoria do processo avaliativo institucional; VII - Sistematizar e prestar informações relativas ao AVALIES (Avaliação das Instituições de Educação Superior) solicitadas pelo Instituto Nacional de Estudos e Pesquisas Educacionais Anísio Teixeira (INEP), no âmbito do SINAES; VIII - Participar de reuniões com os avaliadores externos quando da avaliação de cursos, seja para autorização, reconhecimento ou renovação de reconhecimento e recredenciamento da Instituição, disponibilizando informações resultantes do processo de avaliação interna da IES. IX - Divulgar os resultados obtidos nas Avaliações Internas e Externas, incluindo o ENADE, das potencialidades e fragilidades apontadas, para que ações sejam fomentadas com vistas à regularização dos procedimentos para atender às demandas oriundas da avaliação; X - Estimular o envolvimento da comunidade acadêmica na elaboração e no desenvolvimento da proposta avaliativa através de encontros de formação e capacitação dos agentes envolvidos, reuniões, palestras, seminários, entre outros.


A Avaliação Institucional é um dos componentes do SINAES (Sistema Nacional de Avaliação da Educação Superior - Lei n.º 10.861, de 14 de abril de 2004), relacionada à melhoria da qualidade da educação superior, orientação da expansão de sua oferta, aumento permanente da sua eficácia institucional e efetividade acadêmica e social. Ademais, busca o aprofundamento dos compromissos e responsabilidades sociais das instituições de educação superior, por meio da valorização de sua missão pública, da promoção dos valores democráticos, do respeito à diferença e à diversidade, da afirmação da autonomia e da identidade institucional. A sistemática de avaliação institucional estabelecida pelo SINAES é construída com base em três processos de avaliação: (1) A autoavaliação, orientada pelas diretrizes e roteiro de avaliação interna, sendo coordenada pela Comissão Própria de Avaliação (CPA); (2) A avaliação externa, realizada por comissões designadas pelo Inep, tem como referência os padrões de qualidade para a educação superior expressos nos instrumentos de avaliação e nos relatórios das autoavaliações.