Logo Estácio


Pesquisas

Apresentação

Convicta da alta relevância da pesquisa nas instituições de ensino superior, a Instituição iniciou suas atividades de pesquisa em 2002, com a implantação do Centro de Pesquisa e Extensão – CEPE, com as seguintes atribuições principais:

-          Coordenar e operacionalizar as atividades de pesquisa e iniciação científica.

-          Coordenar e operacionalizar as atividades de extensão.

-          Coordenar a edição da Revista Ciência & Conhecimento.

-          Coordenar o planejamento e operacionalização dos cursos de pós-graduação.

-          Supervisionar as atividades de responsabilidade social.

 

Em 2003 foram aprovados e autorizados os primeiros cinco projetos de pesquisa. Os resultados destes projetos foram publicados no primeiro número da Revista Ciência & Conhecimento, cujo propósito é exatamente a divulgação dos resultados das atividades de pesquisa e trabalhos técnico-científicos da Estácio BH e de outras instituições de ensino superior.

 

O CEPE já aprovou 18 projetos de pesquisa, que envolveram 52 professores-pesquisadores e 131 alunos. Os resultados destas pesquisas foram todos divulgados na Revista Ciência & Conhecimento.

 

Em outubro de 2009, com a finalidade de reestruturar as atividades de pesquisa, pós-graduação e extensão, o CEPE transformou-se em Núcleo de Pesquisa, Pós-Graduação e Extensão – NUPPE.

 

Em maio de 2014, passamos a atuar com a Pró-Reitoria de Pós-Graduação, Pesquisa e Extensão, tendo como focal a Professora Doutora Paula Cristina de Alemida Rodrigues que vem atuando neste campo com trabalhos de qualidade voltados para docentes e discentes.

O Centro Universitário Estácio de Belo Horizonte tem oferecido grande número de atividades de Extensão à comunidade, atividades de Responsabilidade Social e eventos diversos que valorizam sobremaneira a sua atuação e proporcionam aos alunos e comunidade oportunidades de ampliação de conhecimentos e técnicas além dos cursos de graduação. A título de exemplo, o quadro abaixo lista algumas destas atividades.

 

REVISTA CIÊNCIA & CONHECIMENTO

A Faculdade Estácio de Sá de Belo Horizonte possui um Programa de Iniciação Científica que apoia e incentiva as atividades de pesquisa desenvolvidas por professores e alunos. As propostas de pesquisas estão vinculadas às áreas de Ciências Jurídicas, Comunicação e Artes, Educação e Licenciaturas, Gestão e Negócios, Saúde e Tecnologia. São objetivos do programa:

  • Despertar a vocação científica dos alunos de graduação do ensino superior;
  • Estimular e desenvolver o pensamento científico, aptidão criativa, capacidade crítica, procurar novas respostas e soluções;
  • Desenvolver a aprendizagem de técnicas e métodos de pesquisa;
  • Conscientizar o aluno das questões sociais e éticas inerentes à pesquisa científica;
  • Proporcionar espaço institucional para formação de futuros pesquisadores.

 

EDITAL Nº 01/2014 - Seleção de aluno pra graduação sanduiche,  através do Programa Ciência sem Fronteiras, nos seguintes países:  Canadá, Reino Unido, Austrália, Espanha, Holanda, Coréa do Sul,  Bélgica, Nova Zelândia, Finlândia, Polônia, Estados Unidos, Alemanha e Itália. Para acesso ao edital clique aqui.

 

Processo seletivo de projetos de Iniciação Científica 2018/2019

Para acesso ao edital clicar aqui.

COMITÊ INSTITUCIONAL DE INICIAÇÃO CIENTÍFICA - CIIC

O Comitê Institucional de Iniciação Científica gerencia, coordena e acompanha o Programa Nacional de Iniciação Científica do Centro Universitário Estácio de Sá de Belo Horizonte e se responsabiliza pelo cumprimento do Regulamento do Programa. O Comitê é responsável por analisar e emitir pareceres sobre solicitações de projetos de pesquisa e relatórios de Iniciação Científica do Centro Universitário Estácio de Sá de Belo Horizonte, consoante às normas estabelecidas em Edital específico.

Coordenadora do CIIC: Paula Cristina de Almeida Rodrigues

Alexandre Oliveira Soares - Ciências Jurídicas

Flávia Costa de Souza - Comunicação e Artes

Maria Fabiana das Graças de Lima Carneiro - Educação e Licenciaturas

Ana Cássia Siqueira da Cunha - Saúde

Leonides  da Silva Azevedo - Gestão e Negócios

Luiz Antônio Lopes Mesquita – Tecnologia

 

REVISTAS E PERIÓDICOS

Igualitária: Revista do Curso de História da Estácio

A Igualitária: Revista do Curso de História da Estácio BH, com periodicidade semestral, publica trabalhos da área de História, com ênfase em História do Brasil e História Contemporânea, nos formatos: Dossiê temático, Artigos oriundos de pesquisas originais, Artigos de revisão, Entrevistas e depoimentos, Traduções, Resenhas, Fontes primárias/documentos e Material iconográfico. Esta revista oferece acesso livre imediato ao seu conteúdo, seguindo o princípio de que disponibilizar gratuitamente o conhecimento científico ao público proporciona maior democratização mundial do conhecimento.

Para acesso à Revista clique aqui

 

 

COMITÊ DE ÉTICA E PESQUISA

O Comitê de Ética e Pesquisa – CEP é o órgão institucional da Faculdade Estácio de Sá de Belo Horizonte - FESBH que tem como objetivo maior proteger as pessoas que desejam, espontaneamente, participar das pesquisas realizadas tanto no âmbito da Faculdade quanto em outros espaços de saúde e de educação conveniados com a FESBH ou que assim o desejar.

Os projetos de pesquisa, cuja fonte primária de coleta de informações seja o ser humano, individual ou coletivamente, direta ou indiretamente precisam de aprovação no CEP.

A análise ética pelo CEP é balizada por Resoluções do CNS.

O CEP é interdisciplinar, constituído por profissionais/professores de ambos os sexos, de um representante dos usuários da Clínica de Fisioterapia e Enfermagem da FESBH e um representante da ONG ASMARE. O CEP tem autonomia em suas decisões.

O CEP/FESBH se vincula ao Sistema CEP - CONEP. Este Sistema é organizado pela Comissão Nacional de Ética em Pesquisa - CONEP, órgão consultivo do Conselho Nacional de Saúde (CNS), com sede em Brasília. As características e atribuições dos Comitês de Ética em Pesquisa no Brasil estão contidas na Resolução 196/96 do CNS.

HORÁRIO DE ATENDIMENTO: 1º ANDAR - CAMPUS FLORESTA - DE 14:00 ÀS 18:00

CEP-FESBH Av. Francisco Sales, 23 - Floresta - 1º Andar

© Copyright - Todos os direitos reservados. Faculdade Estácio de Sá de Belo Horizonte

 

Termo de Consentimento Livre e Esclarecido – TCLE

O respeito à dignidade humana exige que toda pesquisa se inicie após aprovação de seu projeto em um Comitê de Ética e da assinatura do Termo de Consentimento Livre e Esclarecido pelos sujeitos, indivíduos ou grupos que farão parte da pesquisa ou ainda de seus representantes legais.

Registra-se que o TCLE seja elaborado ao nível de entendimento dos sujeitos, ou seja, que tenha uma linguagem clara, acessível e inteligível e que inclua necessariamente os seguintes aspectos:

a) Inicie-se em forma de carta convite;

b) Apresente a justificativa, os objetivos e os procedimentos que serão utilizados na pesquisa. Em caso de observação ou gravação ou filmagem que fiquem bem claros para os sujeitos;

c) Apresente os desconfortos, os riscos possíveis e os benefícios esperados:

d) A forma de acompanhamento e assistência, assim como seus responsáveis:

e) A liberdade do sujeito se recusa a participar ou retirar seu consentimento, em qualquer fase da pesquisa, sem que lhe ocorra qualquer dano ou prejuízo ao seu cuidado:

f) A garantia do sigilo que assegure a privacidade dos sujeitos quanto aos dados confidenciais envolvidos na pesquisa:

g) As formas de ressarcimento das pesquisas decorrentes da participação na pesquisa e:

h) A formas de indenização diante de eventuais danos decorrentes da pesquisa.

i) Em caso de caso controle, também esses sujeitos deverão assinar o TCLE.

 

Resolução

Proposta de Resolução CEP - Estácio

 

Membros do CEP-FESBH

Coordenadora: Matilde Meire Miranda Cadete

Vice-Coordenador: José Geraldo Vicente Coimbra Araújo

  • Alba Otoni - Enfermagem
  • Daniel Sellos Durante - Ciências Exatas
  • Breno Gontijo do Nascimento - Fisioterapia
  • Clayton Lima Melo - Enfermagem
  • Deborah Amaral - Ciências Biológicas
  • Flávia Westin Bottrel - Teólogo
  • Gisleule M M Souto - Filosofia
  • Horjana Aparecida N F Vieira - Fisioterapia
  • Carlos Eduardo D. Pertermann - Fisioterapia
  • Ione Maria de Matos - Ciências Biológicas
  • Ocirema T Rothe Neves - Enfermagem
  • Paula Luciana Scalzo - Fisioterapia
  • Roberto Durães - Representante dos usuários da Clínica FESBH
  • Rogério dos Santos - Representante ONG ASMARE
  • Virgínia Mascarenhas N. Teixeira - Enfermagem
  • Zenon Baptista Rodrigues - Ciências Biológicas